31 de janeiro de 2013

Vai cavar malandro...

A maioria parlamentar do PSD e do CDS entregou um diploma em defesa do regresso à RTP de um programa como o “TV Rural”.
Já agora juntem-lhe aquele candidato do PS em Matosinhos e mandem os miúdos com dificuldades de aprendizagem para lá amanharem a terra.
Vão mas é cavar malandros! Malandros, isto é, políticos (alguns)...

30 de janeiro de 2013

A refundação do Estado Social

Quando uma empresa privada decide encerrar meia centena de cinemas neste país e os Açorianos, que dele fazem parte, não têm acesso a este espaço de cultura não falamos de refundação de estado Social. Falamos na ousadia da ignorância e da solidão!

29 de janeiro de 2013

Acerca das Galinhas: Os Valores


Eu não garanto...
Mas ouvi dizer..
Que na Europa...
Uma galinha recebe mais,dos fundos europeus,
do que uma pessoa!
Não sei se chore se ria...

28 de janeiro de 2013

Parábola: Sócrates e Magalhães

Num país muito longínquo vivia uma aprendiz da causa pública chamado Sócrates.
Entre as muitas coisas realizadas, muitas delas mal vistas pelo seu povo, mandou fazer e pagou um instrumento tecnológico chamado Magalhães. Entre o alarido houve que louvasse e quem gritasse mas o projecto lá foi andando.Passados uns anos a ideia resiste e até os soldados da terra de sua majestade encomendaram milhares dessas máquinas.
O futuro é brilhante para quem agarrou a ideia!

25 de janeiro de 2013

Em defesa do silêncio


Educar para o silêncio!
Estar na sala de aula a aprender e a ensinar. Falar. Conversar. Dialogar.
Palavra para lá palavra para cá. Meditar e reagir. Reagir às palavras do Outro. Não aceitar que o Outro seja diferente de mim. Sentir as palavras do Outro como um ataque pessoal. Sentir que estamos a ser criticados e até gozados pelo outro. A ignorância e a sabedoria. Duas sabedorias. Duas ignorâncias.
Reacções cada vez mais compulsivas. Palavras cada vez mais duras. Destruir o argumento do Outro. Blindar as nossas próprias afirmações...
Mas antes de reagirmos deveríamos ficar calados. Parar e pensar. Reflectir e analisar. Só assim podemos ter uma melhor compreensão do Outro.
Respeitar o Silêncio. Antes da emoção calar e pensar. Tempos de silêncio.
Quando alguém fala, quando alguém tem algum tempo para apresentar os seus argumentos deverá gastar o mesmo tempo em tempo de silêncio.
E não usem relógio: sintam o tempo.

22 de janeiro de 2013

Sobre a EDP


Eu sempre soube desta situação: vivi-a muitas vezes.
Eu sempre falei mais acaloradamente sobre ela.
Ora...
Ora o Presidente da Câmara de Pombal emitiu esta manhã um comunicado  onde exprime o que eu penso. E ele é exemplo da revolta que invade as pessoas que usam e necessitam de electricidade mas que nada podem fazer para remediar a situação.

Por favor, leiam aqui.

21 de janeiro de 2013

Sobre o Desporto


Sempre pratiquei desporto! Ganhei mesmo alguns escudos com o Desporto!
Houve um momento em que tive de abdicar: não poderia tomar aquelas injecções.
E antes de mais quero afirmar que sou competitivo, sempre quis ganhar. Faço tudo o que estiver ao meu alcance para ganhar. Mas...
Mas em todo o momento ainda penso o desporto – o autêntico desporto – com uma visão romântica que me indicam valores: treino, trabalho de equipa, disciplina, amizade, respeito, entreajuda, solidariedade....
Mas pelos muitos anos que estou no desporto sei que, em muitas situações, o lema “mens sana in corpore sano”, não é seguido. E sei, porque muitos usam o desporto para alcançar outros fins.
Ao praticarmos desporto, ao estarmos com os outros a praticar desporto poderemos esperar uma comunidade mais ligada, mais saudável e mais atenta.
O desporto em geral e o desporto para os mais novos e para os mais velhos é, como todos devíamos saber, um acto de cidadania.
Eu continuo a praticar desporto. Eu continuo a estar com os outros. E todos deveríamos celebrar a festa do desporto!

19 de janeiro de 2013

Nova Comissão Parlamentar

Ouvi dizer que a Assembleia da República vai propor uma Comissão Parlamentar de Oftalmologia para examinar actuais e ex-governantes....

17 de janeiro de 2013

Da Emigração...

Afinal o nosso Primeiro Ministro P.P. Coelho só teria convidado as andorinhas a emigrar...

16 de janeiro de 2013

A Matrix que se esconde...

O que é a realidade?
Quais são as diferentes construções da realidade?
A linguagem diz a realidade?
Estas e outras questões podem ser equacionadas mas são repetitivas.
Já Platão na Alegoria da Caverna nos queria ensinar algumas diferenças...
Já Putnam nos tentava com o desafio do cérebro numa cuba....
As representações mentais podem ser a salvação da realidade mas não são a realidade. O modo como vemos aquilo que vemos na realidade externa não é ela mesma a realidade externa que não vemos.
As representações mentais podem ser elas mesmas uma entidade própria. Podem ser a verdadeira realidade. A realidade só vem conferir firmeza às nossas representações mentais. 
Mas não se esqueçam: as representações mentais são umas das poucas formas de conhecermos a realidade.
O que é a realidade?

15 de janeiro de 2013

Nagisa Oshima 1932-2013, RIP


A Secreta Refundação

O Governo do Sr. PP. Coelho afirmou que ia refundar o estado.
Encomendou um relatório e fez um debate secreto com a a sociedade civil.
E o debate é tão secreto que ninguém sabe o que por lá se passa.
Afinal esta refundação é secreta.
Só saberemos dela... quando reduzirem pela enésima vez o nosso vencimento resultante de um trabalho.
O futuro está aí: Não haverá registos de imagem e som (durante os painéis). A permanência dos jornalistas na sala é permitida. Não haverá (reprodução de) nada do que seja dito sem a expressa autorização dos citados"

13 de janeiro de 2013

As reformas dos políticos


Ao que consta, a Senhora Presidente da Câmara de Palmela, do Partido Comunista Português, no final do terceiro mandato, vai reformar-se em Fevereiro de 2013. 
Acontece que a Exma. Dita Senhora é da minha idade - uma fresca quarentona - o que me levanta algumas questões interessantes. 
Afinal, depois de alguns anos de austeridade e depois de muito palavreado avulso ainda há pessoas da minha idade que se reformam?
- Hum... ela é política... e está a cumprir a lei... feito pelos políticos...
A reforma é um direito mas neste caso a Dita Senhora teria o dever de pensar melhor na situação.
Mas se bem conheço os direitos destas Ditas Senhoras daqui a uns mesinhos, depois de já estarem a receber a reforma, está a exercer um cargo de assessora ou administradora num a qualquer empresa para amealhar uns dinheirinhos para juntar à reforma.

11 de janeiro de 2013

É só ler...

Este é o pessoal que ajudou a fazer o famoso relatório do FMI. Conhecem?

7 de janeiro de 2013

Hoje é o Dia do Leitor

"Os leitores extraem dos livros, consoante o seu carácter, a exemplo da abelha ou da aranha que, do suco das flores retiram, uma o mel, a outra o veneno."

Friedrich Nietzsche

4 de janeiro de 2013

Gérard Depardieu, o Russo



O actor francês Gérard Depardieu está a representar, de improviso, o mais difícil papel da sua carreira: o de  um idiota com passaporte russo.
Esta é a nossa Europa! Este é o nosso mundo!
Eu contava que ele viesse para Portugal. Neste país todos os que são ricos sabem fugir ao fisco: aqui, em Portugal, ele viveria num paraíso.

Agora a sério: se alguém pensa que consegue resolver os seus problemas, de forma individualista, não conhece o seu mundo. Se não conseguirmos agir em conjunto, um dia, os depardieus desta terra terão de levar os seus euros para Jupiter!

3 de janeiro de 2013

Façam Mapas Conceptuais


Todos deviam saber fazer mapas conceptuais!
Um Mapa Conceptual é de utilidade extrema pois torna-se um instrumento fundamental para a economia intelectual da pessoa que pensa acerca do mundo. Ele tem dois fins:
- Indicar os conceitos e os argumentos para que estes sejam estáveis e merecerem a oportunidade de serem analisados em profundidade;
- dar uma imagem clara do caminho a percorrer, quais os conceitos e os argumentos a usar, qual a sua posição no todo, quem os defende e auais os contra-argumentos. 
O Mapa Conceptual, em todo o momento, é um  quadro simples onde nunca estamos perdidos e percebemos facilmente em que ponto estamos.
Mais, quando são apresentadas críticas a estes argumentos, podemos, com umas simples setas, clarificar as relações lógicas e dialécticas presentes no todo.
Experimentem e vejam que o Vosso trabalho se pode tornar mais simples!  

2 de janeiro de 2013

É já a seguir!

Agora vamos esperar pela proposta do Tribunal Constitucional!
Mas ninguém espera nada de diferente.
Num estado onde ninguém quer fazer aquilo que deve o Tribunal constitucional deve adiar a decisão e a proposta para as calendas de Maio.

1 de janeiro de 2013

Bom Ano Novo. Ano Novo?


Bom ano para todos.
E se entramos num ano novo poderíamos ter um ano novo. Mas será que este vai ser uma ano novo?
Podia ser Novo na definição da Pessoa como agente determinante do mundo.
Podia ser Novo no respeito pelos outros na sua dignidade, autonomia e inviolabilidade.
Podia ser Novo na manutenção dos princípios base da educação com vista ao sucesso dos alunos e dos professores.
Podia ser Novo na luta pela liberdade e pela justiça do Homem na sua relação com os outros.
Podia ser Novo nas políticas económicas e sociais.
Podia ser mesmo Novo, não podia? 

E claro, nestas alturas, lembro-me sempre de uma máxima da vida que nos diz: sonhar não custa, o que custa é viver. O melhor mesmo é apertar o cinto, já que vamos entrar numa grande zona de desconforto!

Bom Ano 2013!