16 de junho de 2013

Aprendam a fazer contas... e depois sejam políticos!


O reconhecimento do Ministro, do Ministério da Educação e do Governo de Portugal que os professores sempre trabalharam mais de quarenta horas por semana leva-me à seguinte questão: quando é que me vão repor as horas extraordinárias dos últimos vinte e cinco anos?
Mas se "eles" pensam que esta conclusão é precipitada "vão mas é trabalhar" já que são uns autênticos "palhaços"!

Sem comentários: