27 de julho de 2013

Acerca dos estagiários|

Em momentos de mudança, de grandes alterações sociais deveríamos estar mais atentos.
Não deveríamos apostar em pessoas sem um mínimo de experiência que os recomende para as pastas que vão dirigir. A maior parte deles, apesar da idade, apenas detêm a confiança política ganha num gabinete, num qualquer lugar de nomeação/eleição partidária ou num banco ou numa consultora dos «amigos interesseiros» do partido.

Sem comentários: