1 de fevereiro de 2014

Melancolia


Conheço algumas pessoas melancólicas. Todos os dias conheço mais pessoas melancólicas. Em todas elas existe a incapacidade de viver o hábito do quotidiano. Em todas elas a dificuldade de superar a repetição dos trabalhos e dos dias. O dia a seguir à noite. Primavera, verão, outono e inverno. Um ano após outro cano. 
A realidade perde sentido. Os melancólicos desfazem-se dela. Perda de si mesmo sem relações ao mundo.
Como as podemos ajudar? Como lhes explicar que todos os dias há novas particularidades? Como reencontrar o calor familiar dos que lhes são próximos?

Sem comentários: