3 de março de 2014

O génio da normalidade...

Esta é a normalidade: um qualquer personagem genial, como qualquer pessoa, pode ser, em certos momentos, um perfeito imbecil. Todos passamos por uma certa embriaguez intelectual. A transgressão e a desordem, mesmo que passageiras, fazem parte do que somos. Um conjunto de páginas falhadas.

Sem comentários: