6 de maio de 2014

Pensar e agir...

Será que é preciso que o meu pensamento dê um pontapé na bola para eu aprender a dar um pontapé na bola?

Sem comentários: