25 de julho de 2014

Sobre as limpezas


Como estamos em tempo de férias, o que não é o meu caso, quero deixar aqui um conselho a todos os amigos. Abram as janelas e as portas e façam limpezas. Deitem todo o lixo fora: deixem entrar as novidades. Abram a boca e os olhos: deixem entrar o exterior e sair o interior. Virem-se do avesso. Temos que aproveitar os pequenos momentos de pausa para fazer a limpeza. Um após outro, o grão de pó associa-se e forma uma multidão. A sujidade avança sem perguntar. Sujar para limpar. Para que serviria a limpeza se não estivessem os recantos sujos?
Limpar bem. Esfregar as mais duradouras. Branco e mais branco.
Mas cuidado: ordenhar uma vaca à noite pode colocar-te na presença do famoso leite negro.

Sem comentários: